Novo PROCESSO de recuperação judicial no futebol brasileiro

O Leão tem novo processo de recuperação judicial, previsto em lei, permite um alongamento no pagamento de dívidas dentro de um plano previamente apresentado à Justiça

O Vitória, enfrentando desafios financeiros, está se preparando para entrar no processo de recuperação judicial. Essa medida legal possibilita o refinanciamento de dívidas mediante um plano a ser apresentado à Justiça, visando equilibrar as finanças do clube.

Opção Estratégica no Processo

O departamento jurídico do Leão esclarece que o processo de recuperação judicial é considerada como uma alternativa para reorganizar o passivo do clube. Até o momento, estão em fase de estruturação interna, e a decisão final dependerá de determinadas circunstâncias.

Procedimentos Iniciais

Fontes ligadas ao Vitória revelam que o clube já avalia a contratação de um escritório especializado no processo em recuperação judicial. Reuniões periódicas entre os setores jurídico e financeiro estão sendo realizadas para discutir e planejar os próximos passos.

Experiência Regional

A recuperação judicial tem sido uma escolha adotada por alguns clubes nordestinos, como Sport, Santa Cruz e Náutico. O Vitória, enfrentando um passivo em torno de R$ 200 milhões, considera essa opção para superar suas dificuldades financeiras.

Você também pode gostar:

Notificação da CNRD

Em novembro deste ano, o Vitória recebeu uma notificação da Câmara Nacional de Resolução de Disputas (CNRD) devido ao não cumprimento no pagamento de dívidas. Essa situação pode resultar em um banimento de até seis meses, impedindo o registro de novos jogadores no clube.

Leia mais: Vitória encaminha REFORÇO de velho conhecido do TREINADOR Léo Condé e que foi DESTAQUE da Série B

Vitória Planeja Temporada

Novo PROCESSO de recuperação judicial no futebol brasileiro

Em meio ao processo de recuperação judicial e após fechar o ano de 2023 com a conquista do acesso e o título da Série B, o Vitória já projeta uma temporada ambiciosa para 2024. O vice-presidente Djalma Abreu assegurou que o Leão não será mero coadjuvante nas competições, com metas claras para cada torneio.

Projeções para 2024

Djalma Abreu destacou as expectativas do clube para as competições em 2024. A prioridade será dada ao Campeonato Baiano e à Copa do Nordeste, onde o Vitória pretende não apenas participar, mas alcançar as finais. Na Copa do Brasil, a meta é ambiciosa, visando chegar à quarta fase. Na Série A, o objetivo é brigar por uma vaga na Sul-Americana, mostrando a ambição do Rubro-Negro.

Reconhecimento na Câmara Municipal

O vice-presidente também comentou sobre a homenagem recebida pelo Vitória na Câmara Municipal de Salvador, iniciativa do vereador Anderson Ninho. Djalma Abreu expressou gratidão pela gentileza e sabedoria do vereador, ressaltando que a homenagem não é apenas para o clube, mas, principalmente, para a vibrante torcida rubro-negra. Segundo ele, a diretoria se vê como comandante e porta-voz dessa apaixonada torcida, destacando a importância desse reconhecimento.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.