Jogador põe medalha de ouro a venda

Campeão olímpico de 2016 coloca sua medalha a venda

Nesta segunda-feira (22), uma medalha de ouro dentre as 18 entregue aos campeões do futebol masculino, nas olimpíadas de 2016 foi posta à venda. A peça está em bom estado e acompanhada da case original. No entanto, o que chama mais atenção é o valor pedido, além da identidade do vendedor.

Quanto custa uma medalha de ouro olímpica

A peça foi colocada à venda pelo valor de R$ 170 mil, segundo o CEO do Memorabília do Esporte, Samy Vaisman, são diversos fatores que fazem com que a peça chegue a este valor.

“Essa medalha tem valores que vão muito além do financeiro, do valor de venda, ela reúne uma vida de dedicação e entrega de um atleta, é um pedaço da história do esporte brasileiro. Essa medalha de ouro é carregada de sentimento, de simbolismo, é a primeira medalha de ouro do país no futebol, conquistada na primeira edição olímpica no país e no estádio mais icônico do mundo. Com certeza será muito disputada pelos colecionadores porque é raríssimo que uma peça como essa esteja disponível no mercado internacional”, afirmou.

Mais informações sobre a medalha

Detalhes da medalha posta a vendaFoto: Reprodução
Detalhes da medalha posta a venda Foto: Reprodução

A identidade do vendedor ainda segue em sigilo, porém o que se sabe é que se trata de um jogador, uma vez que membros da comissão técnica não recebem medalhas.

Você também pode gostar:

De acordo com o site Memorabília do Esporte, responsável pela comercialização, a peça está em bom estado e acompanhada da case original. Ainda segundo o vendedor, parte do valor arrecadado será destinado para iniciativas e/ou instituições sociais.

A medalha pesa 500g/600g e foi produzida com prata crua (92,5% de pureza) e 6 gramas de ouro.

Os 18 jogadores que participaram da conquista do ouro inédito para o futebol masculino do Brasil nas olimpíadas do Rio 2016 foram: Weverton, Uilson, Zeca, William, Douglas Santos, Rodrigo Caio, Marquinhos, Luan Garcia, Walace, Rodrigo Dourado, Thiago Maia, Renato Augusto, Rafinha Alcântara, Felipe Anderson, Luan, Gabigol, Gabriel Jesus e Neymar.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.