Gabigol, Vitor Pereira e Sampaoli, veja o detalhe da ENTREVISTA do Atleta

O atacante flamenguista deu entrevista para o PodPah e falou sobre Vitor Pereira ser “fenomenal” e expectativas em cima de Sampaoli

Gabigol, participou na última segunda-feira (11) do podcast PodPah, abordou diversos temas, incluindo a temporada desafiadora do Flamengo. Ao falar sobre a saída de Dorival Junior e a entrada de Vítor Pereira, o jogador admitiu que o elenco não compreendeu totalmente a mudança, mas destacou a excelência do português.

Gabigol, Vitor Pereira e Sampaoli, veja o detalhe da ENTREVISTA do Atleta

Elogios de Gabigol a Vítor Pereira

Apesar do breve período de Vítor Pereira no comando, Gabigol chamou o vice-presidente de futebol de “fenomenal”. Mesmo com o insucesso em pouco tempo, o atacante elogiou a passagem do português pelo clube.

Frustração com Sampaoli

O jogador compartilhou sua frustração em relação a Jorge Sampaoli, expressando curiosidade em trabalhar com o argentino. Gabigol admitiu que, inicialmente, imaginava que o Flamengo venceria todos os jogos com larga vantagem devido ao estilo do treinador. Ele destacou a série de mudanças na comissão técnica ao longo do ano como um fator impactante na temporada.

“É uma mistura de coisas, teve mudança de treinador que realmente aconteceu…Tivemos três treinadores, quatro preparadores físicos durante o ano. Os jogadores também têm a ‘responsa’. Foi uma série de coisas que aconteceu” – disse Gabriel Barbosa.

Relação com Dorival Junior

Gabigol expressou seu apreço por Dorival Junior, destacando a boa relação que tinham. Ele revelou o desejo de que o treinador permanecesse no cargo, mas ressaltou a qualidade de Vítor Pereira ao assumir.

“Eu amo o Dorival. Eu trabalhei com ele e tinha 18 anos. Ele conhece o Gabriel que quase ninguém conhece. A nossa relação sempre foi muito boa. A gente queria muito que ele ficasse (Dorival) e não aconteceu. Chegou o Vítor Pereira, que também era fenomenal. Foi incrível com ele e toda a comissão. Depois teve o Sampaoli também e eu sempre tive curiosidade de trabalhar com ele. Eu achava que a gente ia ganhar de 15 a 0 todo jogo. Me agrada (o estilo de jogo do Sampaoli). É o que o atacante gosta, de fazer gol, tem gente perto…” – finalizou.

Contrato e Especulações

Com contrato vigente até o final de 2024, Gabigol ainda não renovou com o Flamengo. Especulações sobre seu futuro ganharam destaque, especialmente após a eleição de Augusto Melo como presidente do Corinthians. Apesar de elogios do dirigente ao atleta, Gabigol não chegou a um acordo para a renovação de contrato.

Leia mais: Gabigol precisa de NOVOS ARES?

Dores durante a temporada

O ídolo do Flamengo, Gabigol, surpreendeu ao revelar que jogou a temporada inteira com uma lesão no músculo adutor da coxa direita. A contusão ocorreu no segundo jogo do Mundial de Clubes, e o jogador optou por continuar atuando, mesmo reconhecendo a necessidade de tratamento.

Gabigol destacou a importância de estar em campo durante as sequências de finais, mas admitiu que deveria ter se afastado para tratamento. Ele revelou que, ao longo do ano, tratou nas paradas da Data Fifa, mas não conseguiu alcançar a plena recuperação.

Desgaste e Consequências

O atacante, que viveu sua pior temporada desde 2019, ressaltou o desgaste físico ao longo dos cinco anos como jogador ativo. Mesmo assim, ele assumiu os riscos, reconhecendo que não lembra a última vez que jogou sem dor.

Com 56 jogos disputados, 20 gols marcados e quatro assistências, Gabigol enfrentou desafios e terminou a temporada na reserva. Apesar disso, ele destacou o feito de atingir 20 gols no ano e tranquilizou a torcida sobre sua lesão para 2024.

O atacante realizou um procedimento no tendão antes do último jogo e está em acompanhamento durante as férias. Gabigol expressou a intenção de voltar em plena forma para a temporada de 2024, visando uma pré-temporada adequada e antevendo um ano mágico.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.