Jogador da PREMIER LEAGUE recebe alta hospitalar após sofrer parada cardíaca em campo

Jogador da Premier League recebe alta após sofrer parada cardíaca em campo

Tom Lockyer, o respeitado capitão do time de futebol Luton Town, foi liberado do hospital após um incidente aterrador no campo de futebol. Durante uma partida contra o Bournemouth, ele sofreu uma parada cardíaca que assustou a todos e levou ao abandono do jogo.

Alta hospitalar

O jogador, que tem 29 anos, foi liberado do hospital na quarta-feira (20), depois de passar por um procedimento para a instalação de um cardioversor desfibrilador implantável (CDI). Esse aparelho foi instalado em seu corpo para evitar futuros incidentes de parada cardíaca.

“Estamos gratos por informar que nosso capitão Tom Lockyer iniciou agora um período de reabilitação no conforto de sua própria casa”, disse Luton em comunicado.

O incidente com o jogador

A partida contra o Bournemouth teve que ser abandonada após o alarmante incidente. Uma nova partida será realizada para substituir a que foi interrompida.

Procedimento bem-sucedido

Você também pode gostar:

A boa notícia veio após um procedimento bem-sucedido ocorrido na terça-feira, onde o jogador teve instalado um dispositivo CDI para evitar uma repetição do incidente do último sábado.

“O clube confirmou que o problema que Lockyer enfrentou na partida contra o Bournemouth no sábado foi diferente da fibrilação atrial que ele sofreu em maio, durante a vitória no playoff de promoção sobre o Coventry City.”

A liderança de Lockyer

Lockyer é reverenciado por sua liderança no Luton Town. O clube expressou seu orgulho de tê-lo como capitão e reafirmou que sua liderança continuará nos bastidores.

“Estamos muito orgulhosos de ter Locks como nosso capitão e sua liderança continuará nos bastidores, onde sua coragem inspirará seus companheiros de equipe, colegas e torcedores, a partir de sábado”, acrescentou o clube.

Próximos jogos

O Luton Town, que está em 18º na classificação da liga, receberá o Newcastle United, sexto colocado, no sábado. Lockyer, apesar de não estar em campo, certamente estará apoiando seus companheiros de equipe.

O incidente com Lockyer serve como um lembrete da importância da saúde dos jogadores na Premier League e de todos os esportes. Desejamos a ele uma rápida recuperação e esperamos vê-lo de volta ao campo em breve.

PREMIAÇÃO do Mundial de Clubes

Nesta sexta-feira (22), Fluminense x Manchester City fazem a final do Mundial de Clubes FIFA. As equipes irão decidir qual será a número 1 do mundo, no entanto, a premiação pelo feito não é nada atrativo.

Quanto ganha o campeão do Mundial de Clubes?

A competição nunca foi bem aceita pelos europeus que muitas vezes preferem os campeonatos locais ou mesmo se preparar para a Champions. Seja pelo desgaste por uma longa viagem no meio da temporada europeia, mas principalmente pelo valor da premiação.

A premiação para o campeão da Competição é de 5 milhões de dólares (cerca de R$ 24,3 milhões). Para se ter uma ideia, o Flu faturou R$ 33 milhões de reais pelo sétimo lugar do Campeonato Brasileiro.

O valor fica ainda melhor se levarmos em conta que pelo título da Libertadores da América o Flu faturou R$ 133 milhões. Confira os valores de acordo com as posições.

  • Campeão: US$ 5 milhões (24,5 milhões)
  • Vice: US$ 4 milhões (R$ 19,5 milhões)
  • Terceiro lugar: US$ 2,5 milhões (R$ 12,2 milhões)
  • Quarto: US$ 2 milhões (R$9,8 milhões)
  • Quinto: US$ 1,5 milhão (R$ 7,3 milhões)
  • Sexto: US$ 1 milhão (R$ 4,9 milhões)
  • Sétimo: US$ 500 mil (R$ 2,5 milhões)

De acordo com o portal “Lance!”, os valores estão congelados há mais de uma década. Por essa razão o torneio não é tão atrativo para os clubes europeus que estão no meio de temporada.

Cadastre seu currículo agora mesmo!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.